Não duvido, logo, existo.

Não duvido, logo, existo.

  Inspiro, deliciada, cada vez que me convidam para conversar. Hoje tive, mais uma vez, a alegria de ser convidada para o que venho chamando de “cafés existenciais”, este momento simples, despretensioso, em que alguém, por uma razão que sempre me escapa,...