O ano em que dei minha cara a beijos.

O ano em que dei minha cara a beijos.

Este ficará marcado como o ano em que mais recebi, na minha vida. Não foi o ano daquele super salário, negociado com os caras do jurídico, mediado pelo head hunter, coroado com o bônus por ter superado as metas. Não foi o ano da compra do sonho de consumo, da viagem...
Não duvido, logo, existo.

Não duvido, logo, existo.

  Inspiro, deliciada, cada vez que me convidam para conversar. Hoje tive, mais uma vez, a alegria de ser convidada para o que venho chamando de “cafés existenciais”, este momento simples, despretensioso, em que alguém, por uma razão que sempre me escapa,...

Slogan Final

O último slogan, IT´S NOT BIG DEAL, EITHER WAY,  não tem tradução literal. Ele é o arremate de todos os slogans anteriores, o último exercício do Guerreiro: mesmo que você tenha clareza, sabedoria, desapego e compaixão suficiente para ser gentil consigo, sabendo que...
Não espere por aplausos

Não espere por aplausos

Don´t wait for applauses. Nesta semana, testemunhamos o quanto a opinião pública pode influenciar a manifestação da essência de uma pessoa. Histórias de campeões olímpicos, os melhores em sua categoria em nível mundial, sucumbindo à mais profunda depressão após...
Volte, de novo e de novo.

Volte, de novo e de novo.

Come back. Again, and again. Acabo de ser pega no contrapé deste slogan. Uma das premissas que ajudam a construir um círculo de confiança , ou uma comunidade de convivência sólida (no caso, uma comunidade de guerreiros), é garantir ao grupo que nada do que for dito...